quarta-feira, 2 de novembro de 2011

O Discurso do Rei

Título original: (The King's Speech)
Lançamento: 2010 (Inglaterra)
Direção: Tom Hooper
Atores: Colin Firth, Helena Bonham Carter, 
Geoffrey Rush, Michael Gambon.
Duração: 118 min
Gênero: Drama
Dois mundos se uniram para dar à nação uma só voz.


História do rei George VI, pai da atual rainha da Inglaterra, Elizabeth II. Após ver seu irmão Edward (Guy Pearce) abdicar o trono inglês, o jovem George (Colin Firth) se vê obrigado a assumir relutantemente a coroa.
Dono de uma incontrolável gagueira que o impede de discursar para o público, o rei busca a ajuda do terapeuta nada ortodoxo Lionel Logue (Geoffrey Rush). Em meio a tudo isso, precisa juntar forças para comandar o país na Segunda Guerra Mundial.


Bertie era gago desde a infância, e por mais que tentasse não conseguia se curar. Tendo consultado diversos especialistas conceituados, e não obtendo sucesso, ele resiste de buscar ajuda. 
Sua esposa, entretanto, ouve falar de um homem, cujos antecedentes eram positivos, na cura de problemas de dicção. Elizabeth entra em contato com Lionel Logue, um australiano cujos métodos eram considerados pouco convencionais. Ela nunca perdeu as esperanças na cura do marido, e deposita em Logue sua confiança.
Quando inicia o tratamento, Bertie permanece cético, porém quando se depara com uma pequena vitória de Lionel, ele passa aos poucos a confiar nele.
Logue acredita que a gagueira de Bertie está ligada à traumas e pressões de sua infância, e, enquanto aplica exercícios mecânicos, também explora o subconsciente de Bertie. Porém eles não tem muito tempo. Com a morte do rei, um dos príncipes herdeiros deveria assumir o trono inglês.
Edward, irmão mais velho de Bertie torna-se rei, mas permanece por pouco tempo, pois está envolvido com uma mulher divorciada, e pretendendo casar-se com ela, renuncia em favor de Bertie, o Duque de York, que se torna o rei George VI.
O problema de George, contudo, é a falta de autoconfiança, causa real de sua gagueira. Com o início da Segunda Guerra Mundial, George VI terá de enfrentar seus medos e dificuldades para discursar para toda a nação.

Ganhador de quatro Oscar em 2011, incluindo de melhor filme, O Discurso do Rei é um filme belo e bem executado. As atuações foram perfeitas, Collin Firth, Geoffrey Rush e Helena Bonham Carter deram verdadeira alma ao filme.
Li diversas críticas negativas a respeito de O Discurso do Rei, a maioria delas questionando o merecimento do Oscar. É verdade que o filme não é do tipo impressionante, porém a qualidade é indiscutível. Esse é um filme que trata de um tema diversificado, o oposto do que se costuma ver ultimamente, e mais do que isso foi feito com tal zelo, que mesmo não conhecendo Tom Hooper poderia jurar que se trata de um perfeccionista.
Não sobram falhas para apontar, e talvez tamanha perfeição tenha tornado o filme "rigoroso" demais. Essa possível sensação pode ser amenizada pela atuação de Firth, que conseguiu extrair de seu personagem a emoção na medida certa.
O Discurso do Rei não trouxe grandes surpresas, mas a qualidade que lhe valeu o Oscar. Aos que ainda não assistiram, não percam!
Minha Avaliação: ♦♦♦♦ (Ótimo)

Faça o download do filme AQUI!

Trailer legendado:






2 comentários:

  1. *----* mais uma vez...sua resenha falouu acho que tudoo... e deu vida ao filme através de palavras ^^

    e acho que o mais importante que pode-se notar...é a belíssima lição que esse filme nos traz...!

    é difícil as vezes enxergar isso...mas ficou claro que:

    as vezes nossas barreiras (no caso gaguejar...) são muros erguidos através de lembraças do passado...com medo de se repetirem!!

    e a solução e grandiosa lição foi que para alcançar a vitória deve-se lidar frente a frente com o medo e vence-lo, derrubando-se assim todas as barreiras e conquistando com maestria a vitória!!

    com certeza...isso não é apenas uma lição em um filme...isso é mais um aprendizado para melhorias continuas para um viver melhor...

    quantos filmes mais hoje mostram isso?

    Foi perfeito como ficou claro o que o filme quis dizer!! Chris ^^ adorei!! e aprendi mais uma hoje =D

    bjaaunn =D

    ResponderExcluir
  2. Não consegui ver esse filme, não suporto Colin Firth. É difícil ver um filme com ele.
    Bjos, Carol.

    ResponderExcluir

☺ Obrigada por comentar. ☺
Volte sempre ao Hellen's Stuffs!

Beijos♥
H.C.C.Reis

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...