quinta-feira, 28 de abril de 2011

Resultado do sorteio Jogo da Memória!

E a primeira promoção do Hellen's Stuffs chegou ao fim...
Quero agradecer a todos que participaram!!!

E o(a) ganhador(a) é:

Mariana Ventura




Parabéns Mariana!
Você tem 3 dias para responder meu Email. Caso não responda o sorteio será feito novamente.



Abraços a todos!

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Meu Primeiro e Único Amor - Andréia Patrícia




"- O quê?! – Sam arregalou os olhos e olhou-a como a uma estranha.

- Isso que você ouviu, eu preciso que você me ensine a beijar...".


Um amor pra vida inteira ou uma obsessão infantil?
Era o que todos à volta de Jessica Bradley se perguntavam quando a ouviam falar de Samuel Thunderheart. Mas Jess sabia que Sam era sua alma gêmea e nada – nem ninguém – iria impedi-la de fazer com que ele finalmente a notasse.
Para conquistá-lo Jess terá que usar toda sensualidade que possui, derrubando, uma por uma, todas as barreiras que Sam construiu entre eles.
Ele a quer, mas a honra o impede de possuí-la como deseja. Sam Thunderheart provou os doces sabores de Jess uma única vez. Foi o suficiente para saber que cometera o maior erro de sua vida: apaixonara-se por ela. Agora, quando Jess usa todas as armas que possui para seduzi-lo, ele precisará resistir à paixão em nome de tudo que os une. 

Samuel Thunderheart e Jessica Bradley foram criados juntos como irmãos, porém desde que a vira pela primeira vez, Sam sentira que havia uma forte ligação entre eles. Jess é 15 anos mais nova que Sam, mas desde seus 12 anos teve a certeza de que estava apaixonada por ele. Ela esperou até seu aniversário de 15 anos para finalmente se declarar. 
Sam ficou boquiaberto quando viu a garota entrar no salão. repudiou-se por seus sentimentos, afinal ele era um homem de 30 anos e ela apenas uma adolescente. Mas quando Jessica pede a ele que a ensine a beijar ele não resiste aos encantos da menina. Arrependido pelo deslize que cometera ele passa a fugir de Jess, e se torna um garanhão cuja lista de conquistas era bem conhecida por todos. Cinco anos depois, cansado da má fama e buscando finalmente formar uma família ele apresenta a seus pais sua noiva Linda.  Jessica percebe que tem de correr contra o tempo para de uma vez por todas conquistar o amor de Sam.
Meu primeiro e único amor é um romance que aborda a quebra de convenções, as diferenças de idade e o amor verdadeiro, principalmente, a determinação da conquista.
Uma leitura rápida. Livro perfeito para os leitores objetivos.




Faça o download grátis do livro AQUI!

ou leia AQUI!







terça-feira, 19 de abril de 2011

Pra onde vão os dias que passam? - Anna Claudia Ramos

Um mergulho profundo nas inquietações existenciais da adolescência; um salto corajoso em direção ao amadurecimento.

Mariana tinha muitas perguntas sem resposta. Querendo finalmente encontrar um sentido para a vida ela sai da casa dos pais e vai morar sozinha em uma cidade do interior. 
Dispensa os antigos amigos e namorado e embarca sozinha em uma busca por sus respostas, uma tentativa de se livrar de uma antiga e indeterminada dor que sempre a acompanhava. As dúvidas, dores e confusões que acompanham todas as pessoas no período de transição para a vida adulta, são retratados neste livro, de maneira profunda e direta.

Difícil falar deste livro. é uma obra densa, do tipo que deixa explícito o fato de que nem tudo é o que parece. Logo que o iniciei soube que este livro merecia uma leitura atenta, para que pudesse alcançar-lhe a essência.
A parte de que mais gostei foram as primeiras linhas. Esta gerou uma cena nítida na minha mente. Eu podia até mesmo ouvir os sons do mar, a maresia em meus cabelos e a areia branca sob meus pés.

"A manhã vinha chegando. Ela acordou e foi ver o sol nascer à beira d'água.
Gostava de ver o mar antes de o dia clarear. Cinza, verde-escuro, azul-marinho. Difícil definir. Ficava sozinha, de costas, só pra olhar por debaixo das pernas e ver o mar de cabeça pra baixo. Era tão bonito ver as ondas estourarem, fazendo espuma... Imaginava tanta coisa! Tempestade, navios piratas, pássaros, vento, furacão.
Droga! O coração também pensa. Só queria sentir e viver. Como o mar. Ele não pensa, ondula. O mar morava dentro dela. Às vezes calmo, quase parado. Às vezes de ressaca zangado".

Conforme fui seguindo, fiquei cada vez mais curiosa em busca de perguntas, queria saber o que significavam as inúmeras ilustrações, as personagens tão incomuns. Princesa, Farofa, Mariana, A guardiã do fogo, O homem da floresta, todos eles levam um sentido consigo, e acho que para descobrir com certeza o significado de cada um na história seria preciso ler o livro outras vezes.
Confesso que não gostei muito do final. Eu esperava algo espetacular, quem sabe uma surpresa, ou que no fim [spoilers] tudo não passasse de um sonho da personagem, mas não foi assim. A escritora tinha um bom tema em mãos e talento de sobra, acredito que se houvesse acrescentado mais informações, cerca de cinquenta páginas a mais, não faria mal.
Indico o livro a todos que já se perguntaram alguma vez na vida: "Pra onde vão os dias que passam?". E se os leitores gostarem do livro talvez eu faça um sorteio!





Este livro é mais uma publicação da editora


segunda-feira, 18 de abril de 2011

Sherlock Holmes - O ritual Musgrave e outras aventuras - Sir Arthur Conan Doyle


"Qualquer verdade é melhor que a dúvida indefinida...”  .
- Sherlock Holmes.

Sherlock Holmes ainda hoje é um dos mais atraentes personagens dos romances policiais. Desvendar crimes que pareciam insolúveis até mesmo pra a Scotland Yard, a famosa polícia inglesa, fez do seu nome um sinônimo de "detetive".
E, como a vida parece mesmo imitar a ficção, a imortal criação de Sir Arthur Conan Doyle continua a despertar o interesse de jovens e adultos, de tal forma que o seu endereço fictício - 221B, Baker Street - Abriga hoje o museu do ilustre detetive, atraindo visitantes do mundo inteiro. 


Este foi o primeiro livro que comprei naquelas máquinas de livros do metrô, que convenhamos é uma maravilhosa invenção. Apenas cinco reais para adquirir esse exemplar da editora Melhoramentos. Já comprei outros volumes que em breve postarei aqui no blog, mas agora vamos ao que interessa...


Mais uma maravilhosa coletânea de contos narrados pelo biógrafo de um dos melhores detetives de todos os tempos. É claro que estou falando de Watson e de Sherlock Holmes. Este livro reúne seis casos resolvidos pelo detetive. Abaixo falarei um pouco de cada um:

O Rosto Amarelo
O Sr. Grant Munro, de Norbory, procura Sherlock Holmes pra descobrir que segredo guarda sua jovem esposa. Ele conta a Shelock Holmes a respeito dos acontecimentos que o levaram a crer que sua tão amada mulher estava envolvida em algo obscuro que cercavam a chegada de novos vizinhos à propriedade contígua a sua. Grant Munro teria visto da janela da casa recém habitada um estranho rosto amarelo. Cabe, portanto, a Holmes descobrir o que se passava em Norbury.

O Ritual Musgrave
Um antigo costume da família Musgrave era que todos os homens que se iniciassem na vida adulta executassem um ritual. Que interesse teria, portanto, um criado no ritual Musgrave? Sherlock Holmes e Watson são chamados para investigar e acabam descobrindo que o antigo costume de família poderia ser bem mais do que aparentava.

O Mistério da Rua Brook
O Dr. Percy Trevelyan sempre foram interessado em doenças nervosas, agora estava as voltas com um mistério que envolvia um paciente portador da doença que tanto se interessava e o homem que investira em seu trabalho. Um roubo e uma morte, era isso que Sherlock Holmes precisaria investigar.

O Caso do intérprete Grego
Sherlock Holmes leva Watson para conhecer seu irmão Microft, que segundo ele possuía uma capacidade mental muito superior. Microft lhes apresenta o sr. Melas, um intérprete Grego que fora levado a uma estranha casa com o propósito de passar um recado a um homem que aparentemente estava ali obrigado. Ameaçado de morte o sr. Melas precisava de respostas...

O tratado naval
Um documento ultra-secreto desaparece do Ministério das relações exteriores. Percy Phelps entra em contato com Watson, seu antigo conhecido pedindo ajuda para solucionar seu problema de ordem nacional. Holmes e Watson vão a Briarbrae em busca do ladrão, e principalmente do importante documento.

O problema Final
Holmes finalmente encontrou um rival a altura de seus talentos, e está as voltas com uma poderosa organização. Watson viaja com seu amigo pela Europa enquanto tentam despistar o sagaz professor Moriarty. Desta vez Sherlock Holmes pode ter chegado ao fim da linha.






quarta-feira, 6 de abril de 2011

Amante Sombrio - J.R.Ward

Irmandade da Adaga Negra


Nas sombras da noite, em Caldwell - Nova York - , desenrola-se uma sórdida e cruel guerra, entre vampiros e seus carrascos. Há uma irmandade secreta, sem igual, formada por seis vampiros defensores de sua raça.
Ainda assim, nenhum deles deseja a aniquilação de seus inimigos mais que Wrath, o líder da Irmandade da Adaga Negra.
Wrath é o vampiro de raça mais pura dentre os que povoam a terra e possui uma dívida pendente com os assassinos de seus pais. Ao perder um de seus mais fiéis guerreiros, que deixou orfã uma jovem mestiça, ignorante de sua herança e destino, não lhe resta outra saída senão levar a bela garota para o mundo dos não mortos.
Traída pela debilidade de seu corpo, Beth Randall se vê imponente em tentar resistir aos avanços desse desconhecido, incrivelmente atraente, que a visita todas as noites envolto em sombras. As histórias dele sobre a Irmandade a aterrorizam e fascinam. Seu simples toque faísca, um fogo que pode acabar consumindo a ambos.

Uma Paixão perigosa...

Wrath entrou no vestíbulo, sentindo-se particularmente feroz. Esperava que Beth estivesse viva e bem. Do contrário, Deus tivesse piedade de quem lhe tivesse feito mal. 
E se havia decidido evitá-lo? Isso não importava. O corpo dela estava prestes a precisar de algo que só ele podia lhe proporcionar. Então, mais cedo ou mais tarde teria de procurá-lo. Ou morreria.
Pensou na pele macia de seu pescoço. Recordou a sensação de sua língua acariciando-lhe a veia que saía do coração.
Suas presas se alongaram com se ela estivesse ali na sua frente. Como se pudesse cravar seus dentes nela e beber.
Wrath fechou os olhos quando seu corpo começou a se agitar. Seu estômago, embora pleno de alimento, converteu-se em um dolorido poço sem fundo.
Tentou se lembrar quando fora a última vez que se alimentara. Havia sido há tanto tempo assim?
Obrigou-se a se acalmar, a se controlar. Era como tentar reduzir a velocidade de um trem com um freio de mão, mas finalmente, uma refrescante corrente de sensatez substituiu os violentos impulsos de sua ânsia por sangue.
Quando voltou para a realidade, sentia-se irrequieto, seus instintos clamavam por satisfação.
Aquela fêmea era perigosa para ele. Se o afetava daquela forma sem ao menos estar por perto, podia perfeitamente ser sua perdição.


Mais um dos muitos livros sobre vampiros que vem fazendo sucesso atualmente, Amante Sombrio é o primeiro livro série Irmandade da Adaga Negra.
Não sou fã de literatura fantástica, mas acabei lendo este livro por recomendação expressa de minha amiga Carolina do blog Cantinho da Carolina.
Amante Sombrio é um livro rápido que envolve o leitor desde as primeiras páginas, é repleto de personagens instigantes, atraentes e cheios de personalidade.
Este volume conta a história de Wrath, o último vampiro de sangue puro, portanto, Rei por direito. Ele é o líder da Irmandade da Adaga Negra.
Wrath é chamado por Darius, um de seus irmãos guerreiros, que lhe pede para cuidar de sua filha que se aproximava da idade da transformação, 25 anos.
Poucos (ou nenhum) meio humano sobrevive ao completar a metamorfose, e Darius acredita que apenas o sangue puro de Wrath poderia salvá-la.
Quando Wrath e Beth se encontram a reação de ambos é devastadora, uma paixão inexplicável se forma entre eles.
Histórias paralelas, como do malígno Sr. X tendem a fazer o leitor ficar impaciente, mas tudo culmina para um prometido climax, portanto todos os detalhes são importantes.
Como já disse, livros de fantasia não me agradam muito, este não foi diferente. Sou suspeita mas achei várias sequencias muito forçadas, como por exemplo as partes em que os vampiros de desintegram, ou quando Wrath fica furioso e os móveis giram ao redor dele. Tudo muito fajuto. A única coisa que vale a pena neste livro são, de fato, os personagens masculinos. Sempre misteriosos, bonitos, fortes e romanescos. Homens fantásticos. Na verdade isso também força a realidade, mas acho que todas as mulheres gostariam desses maravilhosos guerreiros da ficção.


Faça o download do livro AQUI!





LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...